No Ar - Madrugada Cidadã

A Seguir - 06:00 Raiz da Cida


--- Durinho diz que “faltou disciplina” para manter estratégia contra Usman no UFC 258: “Falhei” ---

por Cidadã FM

em 15 de fevereiro de 2021


Depois de um primeiro round que pareceu mostrar o caminho para Gilbert Durinho destronar Kamaru Usman, o brasileiro se viu dominado e acabou nocauteado no terceiro assalto pelo ex-companheiro de equipe na disputa de título do peso-meio-médio (até 77kg), na luta principal do UFC 258, na madrugada deste sábado para domingo. O lutador fez sua autocrítica e acredita que deixar o campeão se recuperar tenha sido um erro.

– A gente tinha a estratégia de misturar bastante, de entrar em queda, de manter a velocidade na mão, de movimentar bastante, de usar o jiu-jítsu. E depois que eu acertei ele ali, meio que saí da estratégia. Comecei a carregar muitos golpes e machuquei bastante ele, mas deixei que ele se recuperasse ali. Daí já fui saindo um pouco da estratégia – analisou, em entrevista exclusiva ao Combate.com.

Durinho comparou sua performance com a que teve contra Dan Hooker em 2018, quando foi derrotado pelo peso-leve. Para ele, “faltou disciplina” para manter o plano traçado antes da luta.

Kamaru Usman venceu Gilbert Durinho no UFC 258 — Foto: Getty Images

Kamaru Usman venceu Gilbert Durinho no UFC 258 — Foto: Getty Images

– Eu já liguei o automático, quis acabar com a luta, carreguei bastante golpe, ele conseguiu recuperar. Acho que faltou um pouco de disciplina minha ali, pra ter calma, pra ser mais frio, e foi um erro que eu já tinha cometido antes. A luta contra o Dan Hooker foi uma que eu fiz praticamente a mesma coisa. Eu quis acabar logo com a luta, vi que o cara sentiu o golpe, então é um erro que já havia cometido e fiz de novo. Acho que falhei ali, e tenho que voltar a treinar e me controlar bastante. Sei que tenho a mão muito pesada, mas pra ser campeão, pra ser o melhor, tem que ter uma disciplina, tem que ficar tranquilo, me manter na estratégia. Já sei exatamente o que errei. Agora vou pra casa dar uma descansada, olhar bastante a luta, ver onde errei exatamente, trabalhar de novo. E lutar o mais cedo possível. E logo que me recuperar, curar a lesãozinha, descansar, dar uma relaxada com a família. Quero voltar e lutar o mais breve possível.

Tendo sido companheiro de treinos de Usman por anos, Durinho já fez diversos sparrings com o campeão, mas disse nunca ter sofrido um nocaute técnico nos treinos.

– Ah… No sparring ele nunca me deu um TKO (nocaute técnico) assim não. Mas já bati bastante nele, estava bem confiante. Depois que ele sentiu, eu fui pra acabar com a luta mesmo. Então, algumas coisas foram parecidas com o treino, mas não tudo.

Durinho também acredita que o fato de os dois se conhecerem bastante não influenciou em sua atuação no UFC 258.

– É um cara que eu gosto bastante. É um cara que eu tenho o maior respeito, mas entrei ali pra lutar, entrei ali pra ser o melhor independente de quem fosse ali. Estava me testando pra dar o meu melhor e falhei né… Não consegui, mas entrei ali pra ganhar independente de quem fosse, não estava levando muito pra esse lado que eu conheço, não. Fui pra dar o meu máximo.

Agora, Gilbert Durinho quer voltar ao octógono o quanto antes e disse que a derrota não foi bem digerida por ele.

– Quero voltar o mais rápido possível. Está engasgado aqui, porque eu tinha um plano, dei o meu máximo, fiz tudo o que estava ao meu alcance. Cheguei ali tranquilo, sabendo que dei o meu máximo em tudo, e mesmo assim eu falhei. Quero descansar, lógico, ficar com a minha família, mas quero voltar o mais rápido possível – garantiu.

Sobre qualquer rusga que tenha ficado com Kamaru Usman por conta do confronto, Durinho crê que a amizade entre os dois possa ser retomada.

– Não tenho nada contra o Kamaru, não. Tenho muito respeito. Acho que dá sim. Não tenho nada contra ele.

Fonte: https://globoesporte.globo.com/combate/noticia/durinho-diz-que-faltou-disciplina-para-manter-estrategia-contra-usman-no-ufc-258-falhei.ghtml