No Ar - A Voz do Brasil

A Seguir - 21:00 Cida Livre


--- Entrada do intruso em base militar levanta preocupações na Força Aérea dos EUA ---

por Cidadã FM

em 6 de fevereiro de 2021


A Força Aérea dos Estados Unidos abriu uma investigação nesta sexta-feira (5) depois que um intruso embarcou em um avião oficial em uma base da Força Aérea perto de Washington, apesar do aumento das medidas de segurança tomadas após o ataque de janeiro ao Capitólio.

Na quinta-feira, um “homem adulto” conseguiu entrar na Base Aérea de Andrews, que recebe dignitários visitantes em Washington e onde aviões oficiais dos EUA, incluindo o presidencial Air Force One, estão estacionados, disseram as autoridades.

“Todos levam isso muito a sério. (O secretário de Defesa Lloyd Austin) leva muito a sério”, afirmou o porta-voz do Pentágono, John Kirby, enfatizando que a investigação se concentrará nas medidas de segurança da Força Aérea em todo o mundo.

O intruso, que estava desarmado e que as autoridades não vincularam imediatamente a nenhum grupo extremista, conseguiu embarcar ilegalmente em um C-40, versão militar do Boeing 737, antes de ser preso, acrescentou a instituição.

As aeronaves C-40 estacionadas na base de Andrews são usadas por membros do governo, altos funcionários do Congresso ou militares de alta patente em suas viagens oficiais.

A Força Aérea não especificou como o homem conseguiu entrar no complexo militar, que é fortemente vigiado, nem quanto tempo passou no avião.

Milhares de soldados da Guarda Nacional reforçam a segurança em Washington desde o ataque ao Capitólio pelos manifestantes pró-ex-presidente Donald Trump, que deixaram cinco mortos.

Como as autoridades temem mais protestos, as forças de segurança têm a tarefa de proteger o Capitólio durante o segundo julgamento de impeachment de Trump, que começará em 9 de fevereiro.

Fonte:https://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/afp/2021/02/05/entrada-do-intruso-em-base-militar-levanta-preocupacoes-na-forca-aerea-dos-eua.htm

Publicidade