No Ar - Brasil Popular

A Seguir - 12:00 Esporte Cidadã


--- Jogadores do “time dos sonhos” de vôlei do Santos FC lamentam morte de Joreca ---

por Cidadã FM

em 19 de fevereiro de 2021


Um grande nome da época de ouro do vôlei santista nos deixou esta semana. Morreu João Roberto de Oliveira, o Joreca, aos 72 anos. O atleta, que iniciou a carreira no Clube Internacional de Regatas nos anos 60, fez história no Santos FC, fazendo parte do time multicampeão que ficou conhecido como “time dos sonhos”.

Além de Joreca, aquela equipe inesquecível contava com nomes como Paulo Russo, Negrelli, Sérgio Telles, Arlindo, Geradinho, Marcus Mash, Leopoldo e Edilson. Esse time atingiu o auge em 1968, ano em que conquistou todos os títulos possíveis como Jogos Regionais, Abertos, campeonato paulista, brasileiro e sul-americano.

Ex-colegas de equipe prestam homenagem

 

Negrelli, nome importantíssimo do “time dos sonhos”, falou sobre o amigo.

““O Joreca era um grande atacante e um dos melhores bloqueadores que eu tive o prazer de jogar. Quem é do esporte sabe que um bom bloqueador não fecha o olho na hora que o adversário ataca. É só resgatar as fotos para ver o Joreca com os olhos bem abertos anulando os maiores atacantes do Brasil – disse Negrelli.

O levantador Geraldinho lamentou a morte do atacante e bloqueador santista.

– A cidade perde um grande atleta. Estivemos juntos em muitos títulos aqui em Santos, pelo interior e na capital. Ganhamos o Brasileiro e Sul-americano. Vai fazer muita falta – lamentou.

Marcus Mash, também companheiro de Joreca no Santos FC, homenageou o amigo nas redes sociais.

– Infelizmente, mais um amigo e grande atleta foi embora. Quem o conheceu sabe a pessoa especial que ele era. Brincalhão, amigo e um excelente jogador. Quando reclamo da falta que o esporte faz para as novas gerações é porque só no esporte você faz amigos de uma forma mais fácil e mais honesta. Hoje fico pensando que tive a sorte de viver numa geração fantástica – publicou Mash.

Arlindo Pedro Junior, mais um jogador daquele time inesquecível do Santos, recordou o momento que conheceu o companheiro.

– Conheci o Joreca na Seleção paulista em 1966, na seleção paulista juvenil e fomos vice-campeões brasileiros. Depois ele saiu do Inter e veio para o Santos. Aí conquistamos vários títulos. Um preparo físico fantástico e a pessoa mais agregadora que eu conheci no esporte. Era fundamental para o nosso grupo – disse.

Fonte: https://globoesporte.globo.com/sp/santos-e-regiao/noticia/jogadores-do-time-dos-sonhos-de-volei-do-santos-fc-lamentam-morte-de-joreca.ghtml

Publicidade