Cirurgião dentista alerta sobre importância do uso de placas de proteção odontológica ao praticar qualquer esportes

Especialista afirma que esportes podem causar inúmeras lesões de contato que levam à perda dentária

DO1 Saúde | 17 de junho de 2021


Imagem Divulgação

É comum ver boxeadores e até alguns jogadores de futebol utilizando placas de proteção dentária. O motivo é que as lesões repetitivas podem causar problemas sérios e estruturais na arcada dentária. Quem explica é o cirurgião dentista Dr. José Maria de Sena Júnior, conhecido como Dr. Zé Maria, proprietário da clínica odontológica que leva seu nome na capital paraense, Belém. “O sistema bucal é composto pelo dente e por tecidos de sustentação, que são o osso e a gengiva. Os traumas repetitivos na mesma área começam a amolecer a estrutura e, com os anos, os dentes ficam soltos e caem”, explica. Este problema é frequente em praticantes de luta, mas atletas de outras modalidades também estão expostos a este risco. Qualquer esporte que possa causar impacto, como basquete ou futebol, pode levar ao aparecimento destas lesões.

Ele já atendeu inúmeros atletas por este motivo. Um dos casos que mais chamou sua atenção foi o de um lutador de Jiu-jitsu que não estava usando o protetor bucal e, ao levar uma cotovelada, perdeu um dente. O lutador precisou procurar atendimento às pressas para implantá-lo, além de posteriormente ter de realizar um longo tratamento de canal, pois rompeu todos os ligamentos.

Placa odontológica correta

Para se proteger, a recomendação é usar placa de proteção. Entretanto, Dr. José Maria de Sena Júnior alerta que as compradas em farmácias ou em lojas de artigos esportivos nem sempre são adequadas. O motivo é que, apesar de protegerem, nem sempre se encaixam corretamente. Ao ficarem soltas e mal posicionadas, podem atrapalhar a respiração e, consequentemente, o rendimento. “O ideal é fazer a placa em um consultório dentário, personalizada, pois os atletas respiram pela boca e ela precisa estar firme e rente aos dentes para não atrapalhar”.

Quem deve usar proteção

Todo praticante de atividade esportiva, não apenas lutadores e atletas profissionais, deve usar uma placa. Recentemente, um paciente de Dr. José Maria de Sena Júnior trincou um dente durante um treino de crossfit. Ele tensionou a tal ponto o maxilar durante um exercício de força que lesionou o dente. Portanto, a recomendação do dentista é que mesmo quem faz musculação e academia use os protetores. “Não nos damos conta do quanto forçamos os dentes na prática esportiva”, alerta.

Fonte: Bueno I Comunicação