EMTU/SP destaca iniciativas ambientais no Dia Nacional da Conscientização sobre as Mudanças Climáticas

16 de março de 2021

Para marcar o Dia Nacional da Conscientização sobre as Mudanças Climáticas, celebrado nesta terça-feira, 16 de março, a EMTU destaca a sua contribuição e a de seus parceiros no âmbito do sistema de transporte de baixa e média capacidade das regiões metropolitanas do Estado.

Gerenciado pela EMTU, o Veículo Leve Sobre Trilhos (VLT) circula há cinco anos entre Santos e São Vicente – silenciosamente e sem poluir o meio ambiente, utilizando apenas a energia elétrica como combustível. Por mês, o VLT transporta certa de 400 mil passageiros e depois de entregue toda segunda fase, levará mensalmente cerca de 960 mil pessoas, unindo bairros ao centro, pontos turísticos e trabalho.

A Concessionária Metra tem uma forte política de educação ambiental voltada aos empregados, como a substituição de copos plásticos por canecas reutilizáveis nos setores administrativos e a coleta seletiva do lixo interno, com planejamento de expansão para os terminais metropolitanos. A empresa promove também o plantio de mudas de árvores, por meio do Projeto Corredor Verde, ao longo do viário do Corredor Metropolitano ABD, além de incorporar tecnologias limpas à frota, como ônibus híbridos e trólebus.

Até 2008, a vegetação dos 33 km do trecho São Mateus-Jabaquara consistia em áreas intermitentes de grama rasteira e algumas poucas árvores. Hoje, conjunto de espaços públicos urbanos, abertos ou protegidos, são destinados a conservação da natureza, recuperação da paisagem, contemplação e lazer. São 10 mil manacás-da-serra plantados ao longo de oito anos. Eles embelezam a paisagem urbana e colaboram na redução do efeito estufa em cinco municípios da Região Metropolitana – São Paulo, Diadema, São Bernardo do Campo, Santo André e Mauá.

Para assegurar uma menor emissão de gases poluentes, a BR Mobilidade, que opera na Região Metropolitana da Baixada Santista (RMBS), tem o compromisso e realiza ações preventivas para o controle de emissão de fumaça. Além disso, desenvolve programas de reciclagem – com coleta seletiva no armazenamento de resíduos produzidos pela empresa. Materiais como lâmpadas, filtros, borrachas, óleos, latas de tintas, lonas de freio, são destinados a locais adequados ou reciclados. Há também os Programas ‘Tá Limpo’ e ‘Ecodiesel’, que visam despertar a consciência ecológica dos colaboradores. O ‘Ecodiesel’ visa minimizar a emissão de poluentes na atmosfera, reduzindo o consumo de óleo diesel. Um trabalho em equipe, que visa a direção defensiva e econômica, com benefícios para o meio ambiente, motoristas e à sociedade. Quando a meta do trimestre é alcançada ocorre uma premiação aos finalistas do programa.

Na Grande São Paulo o Consórcio Unileste, por meio da Radial Transporte e Alto Tietê Transporte (ATT), atua por meio de recolhas de materiais e lixo das empresas recebem um destino ecologicamente correto. Na garagem da cidade de Suzano, por exemplo, a cada quinze dias uma empresa especializada em óleos retira entre 500 a 600 litros deste produto e faz o destino correto para que não agridam o meio ambiente. Os pneus também são recolhidos por empresa especializada, mensalmente. Cerca de 100 unidades são destinadas para reciclagem por mês. Além disso, itens como papelão e garrafas pets, materiais recicláveis são separados e enviados para reciclagem. Tambores vazios de óleo também são reciclados por companhias especializadas.

A Concessionária Internorte, que atua no transporte da região de Guarulhos também cumpre com as responsabilidades ambientais, submetendo seus veículos as fiscalizações e medições de emissão de poluentes causadas pelos motores, além destinar adequadamente os resíduos e os produtos combustíveis usados nos motores.

Vinculada à Secretaria dos Transportes Metropolitanos, a Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos de São Paulo (EMTU/SP) é controlada pelo Governo de São Paulo. Fiscaliza e regulamenta o transporte metropolitano de baixa e média capacidade nas cinco regiões metropolitanas do Estado: São Paulo, Campinas, Sorocaba, Baixada Santista e Vale do Paraíba / Litoral Norte. Juntas, as áreas somam 134 municípios.

Fonte: EMTU