Tony Iommi Afirma Que Houve Conversas Sobre Um Filme Biográfico Do Black Sabbath

Por Rock in Blues em 17 de março de 2021
Imagem Divulgação

Em entrevista concedida a jornalista Katherine Turman do site Spin, o lendário guitarrista Tony Iommi afirmou que já houve conversas sobre um filme biográfico do Black Sabbath. Vale lembrar que nomes importantes da cena rock n’ roll como Queen, Elton John e Mötley Crüe já eternizaram seus nomes na sétima arte.

“Sim, falava-se sobre isso [filme biográfico] e não sei o que aconteceu. Meio que escapou pela janela quando tudo isso [pandemia do novo Coronavírus] começou. Mas estávamos falando sobre fazer o filme biográfico há 18 meses. Mas não ouvi muito mais”, comentou Iommi.

Na mesma entrevista, Tony Iommi falou também sobre o vocalista Ronnie Jame Dio, afirmando que conhecia o trabalho de Dio no Rainbow, mas nunca havia imaginado estar numa banda com o gigante baixinho.

“Eu não conhecia ele antes! Mas é claro que já tinha ouvido falar dele com o Rainbow. Eu pensei: ‘Deus, ele é um vocalista maravilhoso’. Mas nunca pensei, nem por um minuto, que acabaria numa banda com ele. Ela [Sharon Osbourne] que me apresentou a ele numa festa”, relembrou Tony.

A repórter foi além e perguntou ao guitarrista se Sharon Osbourne o tinha apresentado a Ronnie com a intenção deles tocarem junto. Iommi respondeu o seguinte:

“Nós estávamos parando um pouco por causa da situação [abusos de Ozzy], então, mencionei a ideia de fazer algo solo, como um projeto diferente. Ronnie estava interessado nisso. Aí, quando Ozzy já não estava mais na banda, eu liguei para o Ronnie e disse: ‘você quer vir aqui pra gente fazer um som’? Ele veio, mas a ideia era apenas fazer uma jam, na verdade. Tocamos e ficamos impressionados com o que ele fez. E ele também gostou do que fizemos. Então, nós meio que partimos daí”.

A entrevista completa (em inglês) está disponível aqui.

Vale lembrar que Dio se juntou ao Black Sabbath pela primeira vez no ano de 1979, deixando o posto em 1982. Dez anos depois, em 1992, Dio retornou à banda por um curto período de tempo, rendendo apenas um disco de estúdio, o Dehumanizer.

Dio e Tony Iommi voltaram a trabalhar juntos em 2006, onde gravaram três canções inéditas para a coletânea Black Sabbath: The Dio Years. O trabalho deu tanto certo que rendeu uma turnê em 2007, o que ajudou na edificação da banda Heaven And Hell e, consequentemente, no lançamento do disco The Devil You Know, em 2009.

Fonte: https://www.rockbizz.com.br/tony-iommi-afirma-que-houve-conversas-sobre-um-filme-biografico-do-black-sabbath/