Tóquio 2020 2021

Tóquio 2020 / Esportes Olímpicos / Pentatlo Moderno

Pentatlo Moderno


De acordo com uma história do século 19, um jovem oficial de cavalaria francês foi enviado a cavalo para entregar uma mensagem. Para completar sua missão, ele teve que cavalgar, lutar com uma espada, atirar, nadar e correr. Essas são as cinco modalidades que os competidores enfrentam no pentatlo moderno – tudo em um único dia.

O Barão de Coubertin era um admirador do pentatlo realizado nos antigos Jogos Olímpicos, que se baseava nas habilidades necessárias a um soldado da época. Ele propôs uma competição semelhante que abraçou o espírito de sua contraparte antiga. De Coubertin acreditava que esse esporte, acima de todos os outros, testaria “as qualidades morais de um homem tanto quanto seus recursos físicos e habilidades, produzindo assim o atleta ideal e completo”.

O pentatlo moderno foi realizado pela primeira vez nos Jogos de Estocolmo 1912, com uma competição feminina introduzida em Sydney 2000. Originalmente, os elementos eram distribuídos em quatro ou cinco dias, mas desde Atlanta 1996 todas as cinco modalidades ocorreram em um único dia.

Graças a uma ampla gama de inovações, o pentatlo moderno se tornou um esporte mais exigente que leva os atletas ao seu limite. Apenas aqueles com resistência física e mental excepcional aliada à habilidade em todas as cinco disciplinas podem levar para casa o ouro.

A Union Internationale de Pentathlon Moderne (UIPM) foi fundada em 1948 e agora tem mais de 120 países membros, refletindo a disseminação constante do esporte em todo o mundo.

Fonte: https://tokyo2020.org/en/sports/modern-pentathlon/