4 razões para os corredores treinarem força

Postado por Viva Melhor em 01/abr/2021


É claro que qualquer pessoa pode correr simplesmente treinando rotinas de corrida mas, se o que você busca é progredir, melhorar seus tempos, correr mais distâncias e evitar lesões, também deve dedicar alguns dias a outros tipos de trabalho como o treinamento de força. E se você ainda não está convencido disso, hoje veremos quatro fatores para incluir esse tipo de exercício em suas rotinas esportivas.

O primeiro tem a ver com o básico: se você não tiver os níveis mínimos de força, não conseguirá cumprir seus treinos mais exigentes. Por exemplo, é possível que ao realizar sessões de corrida mais longas ou mais intensas, perceba que em determinado momento seu desempenho diminui, sua passada ou postura de corrida pioram e você sente muito cansaço. Nesses casos, o treinamento de força será útil para melhorar isso. Nesse sentido, o fortalecimento da zona central ou “core” (abdômen, tórax, costas e quadril) o ajudará a melhorar e manter sua técnica para correr até o final, o que se traduz em maior eficiência de seu funcionamento como corredor.

A segunda razão é controlar seu peso. Embora possa parecer estranho para você, ter músculos mais definidos e fortalecidos ajuda significativamente seu corpo a queimar calorias, mesmo quando você está em repouso. Isso ocorre porque o aumento das fibras musculares força seu corpo a aumentar o metabolismo e, portanto, ao ingerir a mesma nutrição no final 

A terceira razão é evitar lesões ou, pelo menos, reduzir significativamente os riscos. Fortalecendo integralmente o corpo, mas com foco na área média e nos glúteos e quadríceps, você não só conseguirá correr mais tempo sem fadiga, mas também o fará mantendo uma postura correta, reduzindo assim o risco de dores nas costas ou outros problemas associados a uma técnica ruim na passada. Além disso, existem muitas lesões típicas de corrida relacionadas com as costas, joelhos ou quadris que surgem como resultado da fraqueza dos músculos ou do seu desenvolvimento desequilibrado.

Finalmente, a quarta razão para incluir exercícios de fortalecimento em suas rotinas de corrida é o desempenho. Ao melhorar a postura, ter músculos fortes lhe permitirá utilizar uma técnica mais eficiente e, principalmente, mantê-la com a corrida dos quilômetros. Você só terá que usar sua imaginação para incorporar regularmente pelo menos uma vez por semana sessões em encostas ou encostas e escadas, ou visitar a academia. E preste atenção porque as variantes não param por aí: você também pode fazer rotinas pliométricas de saltos ou exercícios de fortalecimento usando seu próprio peso corporal em casa ou no local onde treina suas sessões de corrida.

Então agora você sabe: desculpas, saia! Você faz rotinas de força?

Fonte: https://www.espn.com.ar/espn-run/nota/_/id/7992996/cuatro-razones-por-la-que-los-runners-deben-entrenar-la-fuerza-espn-run-corredores?ex_cid=TW_Run