De candidato ao título a coelho de luxo

Postado por Viva Melhor em 24/ago/2020


Após abandonar as pistas em 2017, o corredor britânico Mo Farah esperava encontrar nas maratonas a continuidade do sucesso de sua carreira, porém, apesar de conquistas como a vitória na Maratona de Chicago em 2018, os resultados de Farah nunca foram os planejados e imaginados por ele, sua equipe, mídia e fãs. Tanto que ao fim de 2019 ele anunciou que se dedicaria novamente à prova de 10.000 metros e defenderia seus títulos nas Olimpíadas de Tóquio.

Nas edições de 2018 e 2019, Farah era apontado como um dos favoritos à vitória mas, apesar das boas colocações e dos recordes britânicos, em nenhuma das vezes foi realmente uma grande ameaça ao vencedor das duas provas e grande nome da maratona atula, o queniano Eliud Kipchoge.

Neste ano, Farah participará novamente da maratona britânica mas, em um papel secundário, o papel de coelho, ou aquele corredor que é contratado para ditar o ritmo estabelecido pela organização durante uma determinada quilometragem da prova.

Sabemos e entendemos seus objetivos atuais mas, esperamos que em breve Farah volte a ser candidato à vitória como os grandes devem ser.